06 julho, 2009

Te dizer....

E que seja assim então. Que nossos desejos já não sejam mais levados em conta e que nossos caminhos e diferenças passem a ser mais gritantes e insuportáveis do que aquilo que nos une.
Tudo bem ; Faz de conta que essas lagrimas que sobem em seus olhos não existem,e que esse aperto em meu peito é encenação.
Pode ir;Pode correr pelas ruas vazias e desmentir tudo e a todos,,eu faço de conta que não te procuro em outros rostos alheios que caminham tranqüilos pelas ruas.
Vai;tente ao menos uma vez se esforçar nessa sua mentira e me convencer que tudo foi em vão,que o que vivemos,que o que sentimos nunca foi amor.
Pode tentar.Pode mudar...pode até ir embora,mas não se deixe convencer de que o que eu sinto,o que eu senti,foi falso,de que não foi amor.
Sentimentos não se forjam..pelo menos não por um coração que agora tenta juntas os pedaços para ,em um suspiro te dizer que :De braços abertos permaneço,esperando que um dia a chave que tens em tuas mãos,caiba perfeitamente na fechadura do meu coração.

4 comentários:

Fernanda disse...

que lindo Bia...as vezes me pergunto,por que a vida tem um destino que só ela escreve,e como é dificil esse distanciamento que acontece quando o amor de ambos [ou de 1 apenas]acaba

Fe disse...

ownnn.. que lindo!! A frase final então, arrasou =))

ah! deve ter sido bem bom o show ;D
Fresno entao...

bjaooo.

Luan Fernando disse...

Sempre temos que acreditar que um dia o amor vai aparecer, e dessa vez pra ficar pra sempre, que nunca mais vai apagar dentro dos nossos corações.

Andrea Carolino disse...

Coisas da vida!

"Quem nunca amou, nunca viveu"

=)