08 setembro, 2009

"O diario de Noah"

Os ouvidos á acompanhar o som desprovido de razão ,que as gotas e pequenas pedras de gelo ,fazem ao cair em um dia de quase tempestade.
Os longos dedos frios,inesperadamente,transpiram e se contraem,assim como seu corpo,a cada relâmpago que chicoteia e divide,impetuosamente,o céu torturado.
Os ventos parecem sussurrar motivos,como se as folhas que são arrancadas de suas copas exigissem saber o por quê de tanta ventania.
Os suspiros se tornam soluços,regados de lagrimas que escorrem pela face ,criando caminhos que logo serão de todo esquecidos.
Um palpitar que se acelera e se faz presente,e um amontoado pulsante de sentimentos que se comiseram e ao poucos se assemelham a completo pó.
As palavras que há poucos segundos,se apresentavam em completa ordem,já não conseguem mais se reavivar.
Lamento....
Lamento....
O tremor se apossa e as memórias parecem confusos turbilhões;punhados de gotas de tintas salpicadas,sem motivo,em alguma folha.
E eu já não lembro,e lamento.
E é injusto porem,eu só me recordo de “ NENHUM AFOGADO PODE SABER EM QUE GOTA DE AGUA SUA RESPIRAÇÃO PAROU”.
E eu já não ouço. Não sinto.
Só lamento....e lamento...
Devia lhes ser permitido repousar no amor,devia lhes ser proibido todos esses dias de disabor.
Devia lhes,lhes é por direito que tudo acabaçe em uma calmaria de lembranças e não de esquecimento.
Porem,eu lamento,assim como eles.

6 comentários:

Fernanda disse...

as vezes mesmo não gostando de textos tristes,acredito que eles fazem parte de grandes escritores...as vezes as lágrimas falam tanto que elas deixam as palavras presas na garganta,impossivel retira-las de lá,e quando isso acontece é por que é momento de apenas deixar as lágrimas cairem pra os sorrisos poderem entrar.

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

Não sei que o você está passando, simplismente por nao te conhecer pessoalmente, mas é algo negativo e que te faz chorar, assim como a imagem ao final do texto.

Espero que passe rápido e que você absorva de toda essa "ventania" algo de bom, que te ajudará la na frente!

p.s: Sim, é sempre bom ter um pensamento positivo sobre tudo o que nos rodeira, mas eu tenho uma coisa pra te contar que vai ficar só entre a gente e as centenas de pessoas que lerem esse comentário (rsrs): Eu também sou muito pessimista, mas estou lutando contra isso. Chega uma hora que você nota que isso te faz mal, é sempre bom ter uma boa perspectiva sobre os acontecimentos vindouros da sua vida!

E esse cansaso (in)terminável que te reodeia e muitas vezes te tira o sono, que te faz ficar vários minutos com a cabeça no travesseiro sem conseguir dormir irá acabar logo logo também! (;

Beijoos!

Luan Fernando disse...

Um pouco sombriu, e muito triste.
As vezes é dificil ler essas coisas.

Andrea Carolino disse...

Há um recomeço em todo termino.

Pois eu prefiro que se acabe na calmaria do esquecimento. Se vc tem lembranças e prende-se a elas, fica mais difícil seguir a diante.

Como diz uma música do Raul Seixas "só com a praia bem deserta é que o sol pode nascer"

Bjs

Marie disse...

Eu gosto do lado sombrio da alma. Semele não haveria a luz da alegria para equilibrar a vida.

Kátia Ruivo disse...

sombrio mesmo, me deixou meio sem fôlego, mas de mto talento...

bjs