23 outubro, 2009

Depois do medo.Antes do alivio.

Caminhas até tua arvore favorita,e se acomoda.
Prende,desleixadamente o cabelo,e observa o que te cerca.
De inicio,o ar puro parece rasgar teu pulmão,mas depois,tu te acostumas e percebe que já não carrega mais aquele tom acinzentado dentro do peito.
Os longos dedos tateiam a grama,até encontrarem teu livro,já velho,mas bem cuidado.
Uma borboleta cruza teu campo de visão,e te faz notar logo mais a frente,famílias que se divertem.
Respira fundo,folheia teu livro.
Deixa que teus olhos cansados vagueiem entre linhas e paisagem.
Ouve.
Toda a profundidade dessa musica não tocada.
Ouve toda essa ausência de som que te preenche.
Ouve esse silencio que te cerca e,que pela primeira vez,não te machuca.
Aproveita esse momento de solidão e agradece.
Agradece por ter sobrevivido mais essa semana de caos,e,deixa que teus olhos cansados de tanto chorar,encontrem conforto nesse céu azul .
Deixa que teu corpo cansado de tantos baques psicológicos,repouse na sombra dessa arvore e,
Respira cada segundo desse dia,pra se deixar preencher pelo que de fato importa.
Por que é isso que vai te deixar inteira amanhã.
É isso que vai dar força pras tuas pernas e não vai te deixar cair mais uma vez.

8 comentários:

Little dreamer disse...

Bia linda! bom, aquele assunto me marcou mto. Nada mais justo q postar algo sobre.
Adorei seu texto viu?! eu sei q sempre falo a msma coisa, mas fazr o q?!hehe.

Luan Fernando disse...

Sempre temos que arrumar forças e coragem para sempre está diposto no dia seguinte...

Fernanda disse...

Ah as forçar elas sempre aparecem quando achamos que não temos mais nenhuma...
lindo texto Bia.

Priscila disse...

Força, mais do que necessário agora! Vivo precisando..

Beijos

Andrea Carolino disse...

"Aproveita esse momento de solidão e agradece."

Isso é raro!

=)

Fe disse...

Adoreeei esse texto. Passou uma sensação de tranquilidade... muito bom.

beeijo.

Nanda disse...

Taoo tranquilooo!
Tao lindoo o texto!
Da vontade de fazer igual!

Varda disse...

Uau...deu vontade de fazer exatamente isso.