04 fevereiro, 2009

Only friends...sorry.

Se de fato me conheces tão bem como diz conhecer,não deverias insistir em algo que sabes que não irá acontecer.
Não se tratam de regras,e sim da realidade de meus sentimentos.
O amor não pode se realizar se for sustentado por apenas um coração.
É preciso dois seres com igual sentimentos,para que a relação tangencie a perfeição dos contos de fada.
Por mais altruísta que eu possa parecer,não posso simplesmente ignorar que não é correto brincar com teus sentimentos,ignorar os meus e alimentar uma historia que claramente terminara em profundas magoas e decepção.
Só tenho a te oferecer minha amizade,e é apenas dentro desse sentimento que posso te amar.
Não me importo que coloque os braços ao redor de mim,desde que se contente em apenas conversar e não insista em grudar seus lábios grossos nos meus trêmulos.
Gostaria que entendesse meus motivos ,assim como tentei entender e respeitar os teus,mas,se tudo isso foi em vão.Se mesmo assim preferes não me ouvir e não me respeitar,terei que partir.
Dar um fim em todo esse caso colocando um clássico ponto final,antes que te iludas mais e que eu me sinta ainda pior por ter desencadeado esse tipo de sentimento em teu coração.
Por mais doloroso que seja me despedir de sua amizade,tenho que ,pelo menos uma vez,ter coragem de nos preservar e suportar a dor de agora,para nos poupar de uma dor ainda maior.
Sinto por não poder te corresponder.
Sinto por não podermos ser como algum casal da TV.
Sinto ainda mais,por não ser por você que meu coração bate,assim como o seu bate por mim.
Apenas,não me odeie.
Procuro fazer o certo para ambos.

9 comentários:

jessicadeverdade disse...

Muito bom...muito...nossa fui eu que escrevi????rs
té mais

LUAN_FERNANDO_ disse...

Os sentimentos do amor, não tem como entender ^^
Beijo!

Jão disse...

"Não me importo que coloque os braços ao redor de mim,desde que se contente em apenas conversar e não insista em grudar seus lábios grossos nos meus trêmulos."

Essa realmente é a parte mais difícil numa situação dessa.

Abraço.

Mah disse...

Estou passando pelo mesmo. Foda!
Adorei, sempre gosto do que tu escreve, mas esse seu texto grudou especialmente em mim.

",pelo menos uma vez,ter coragem de nos preservar e suportar a dor de agora,para nos poupar de uma dor ainda maior.
Sinto por não poder te corresponder.
Sinto por não podermos ser como algum casal da TV.
Sinto ainda mais,por não ser por você que meu coração bate,assim como o seu bate por mim.
Apenas,não me odeie.
Procuro fazer o certo para ambos. "

Um beijo!

susan soares disse...

Aaain
eu tb siinto viu
caraaan
é inexplikáveel
nós simplesmente não mandamos em nosso coração neah
então, se não é não é neh verdd?!
caraan, todos nós devemos respeitar o espaço um do outro, se deu certo deu, mas se não deu... meu... parte pra outra neah...

bjokas amiga te amodoorooo!


bjokas da suh

Babih Xavier disse...

ki profundo hein... =P

adoreii seu blog^^

J. F.r.a.n.c.o! disse...

Ah, já passei várias vezes por essa situação, um dos meus melhores amigos (que estudava comigo desde a 5ª série) gostava de mim (ou gosta, vá saber)... Desde a 5ª série, diga-se de passagem.

Ahh, é uma situação bem delicada, mas se voce tiver jeitinho você consegue! =)


"O amor não pode se realizar se for sustentado por apenas um coração."

essa frase foi tudo²!


BeijOs!

Fernanda disse...

engraçada a vida né...
ela faz a gete se apaixonar pelos errados,ou deixar de gostar dos certos...[a voooz da experiencia]huahuah
mas enfim,quem sou eu pra entender essas incertezas da vida...

Luana H. disse...

É tão fácil falar quando o incorrespondido é você...Mas pedir desculpa ao outro por não corresponder é tããão dificil...

Belissimo texto!


Beijããão.