27 fevereiro, 2009

Sorry,i have to go.

Minhas malas já estão prontas.Nada de exagerado,apenas o necessário.
Nunca esperei que você entendesse,que houvesse a chance de você estar lá,no dia do meu retorno.
O mundo nunca para pra que possamos nos levantar depois de um tombo. Não importa o quão feio ele seja.
Eu queria,que você pedisse pra ir comigo.
Que depois da minha explicação do por quê eu ter que ir sozinha,você contasse os dias euforicamente,para poder me ver de novo.
E que ,quando eu colocasse os pés aqui de novo,você fosse a primeira pessoa que os meus olhos pudessem ver.
Mas nem tudo é como esperamos ou queremos, e essa é uma das inúmeras razões da minha ida.
Eu me perdi. E não é de agora,ou da semana passada.
Eu me esqueci ,mas as vezes eu acho que nunca nem sequer lembrei.
Algo no meu intimo clama por essa partida,por essa caminhada em busca de algo que me falta.
Eu sei que minha sanidade esta por ai,em algum canto desse mundo,esperando que eu a encontre e a acolha.
Eu preciso acreditar que tudo isso vai ter fundamento,para poder volta em paz.
Para me sentir em paz.
Não espero que você entenda,alias,ninguém nunca entende.
Mas dessa vez não dá pra simplesmente fechar os olhos e adiar.
Eu tenho que ir.
Minhas malas já estão prontas.Nada de exagerado,apenas o necessário.

7 comentários:

A.C disse...

olá!!!
ESTOU MAIS UMA VEZ ENCANTADA DIANTE DO SEU POST, MUITO LINDO. FOI VC Q ESCREVEU? CASO NAO TENHA SIDO MESMO ASSIM ESTA DE PARABENS, MUITO BOM GOSTO.
ADORO AKI!
BJOS

Fe disse...

oi!!
tem selo pra ti no meu blog... passa la ;)

bjooo

Luan Fernando disse...

Desperdidas nunca foi uma coisa muito feliz pra ninguem, pricipalmente quando temos que deixar uma pessoa que amamos tanto.

Beeijo

Gerlaine disse...

O melhor texto seu que eu já li aqui no blog, na minha opinião.
Amei!

Andréia disse...

uma partida simples e sem exagero.

adorei

ate+

Bruna Molinari disse...

Fico impressionada com a sua capacidade de escrever textos, cada um mais bonito que o outro, sempre com sentimento, com intensidade!

' Jαdє Amσrιm disse...

Ahh, eu também amo ser mulher!

Os homens que me disculpem, mas ser mulher é MARA!

uahsuahsa

Beijos!