12 janeiro, 2009

Retorno.

Larga o teu cigarro em algum canto entre o esquecimento e a infelicidade.
Eu voltei.
Eu voltei,e trago na mala ,nada mais do que saudade e amor.
Nem perca tempo em abrir alguma garrafa de bebida,pois
Se depender de mim,a única coisa que irás beber,
É o néctar que de meus lábios emanam,a cada beijo que roubo de ti.

Esqueça os dias na escuridão,
Os dias sem perdão.
Eu voltei.
Corri e deixei tudo para trás,apenas
Para em seus braços me entregar e enfim
Realizar cada um de nossos singelos sonhos.

Não se preocupe,eu não me importo.
Pode parar de se desculpar pela aparência cansada.
Também não dormi.
Também sofri com a distancia.Mas
Agora,tudo isso virou passado.
Um passado que facilmente iremos esquecer.

Pode trazer um caderno velho e uma caneta cheia,
Pode desenhar,escrever...
Só não esqueça de que voltei para amar.
Amar e ser amada

Um comentário:

LUAN_FERNANDO_ disse...

Meu! muito romatico seu texto, eu achei por o menos, gostei. Por a caso vc esta apaixonada? (não precisa responder)
Parabens!
beijo!