15 dezembro, 2008

(...)

Poderia criar inúteis classificações para tudo que leio e escrevo,quem sabe isso não lhe agradaria,talvez não alimentasse sua infantilidade e sua insuportável mania de querer sempre achar cabelos em ovos.
Bem,seria sim fácil para quem ama vir ate aqui e escrever todos os lindos e envolventes momentos,inventar cartas e transcrever declarações,o que claramente não é meu caso.
Se quer se dar ao luxo de avançar para o nível difícil de capacidade de expressar sentimentos,caminhe ate aqui com sua pompa e se coloque por alguns instantes em meu lugar.
O lugar de quem acorda todo dia com a certeza de que o outro lado da cama continua vazio ,e que olha pela janela os casais que passeiam no campo,e tenta imaginar como deve ser,como é sentir o amor,desfrutar dele todos os dias.
Tente entender o como é você se esforçar para falar de algo que nunca sentiu,que nunca viveu,e que jamais recebeu de outro alguém,e mesmo assim tentar ser o mais verdadeira e tocante possível.
E se ainda sim não ficou claro pra a sua personalidade de boneca de marca,aqui vai o ponto final dessa estúpida alfinetação:
NÃO SEI O QUE SENTIR AMOR,e sim,talvez viver na solidão não seja a melhor alternativa,MAS É DE VOCÊ QUE TENHO PENA.
Posso não ser a melhor “escritora’ do mundo,mas o que me completa são essa palavras,que podem ser erradas,e poucas,mas que me preenchem.
Agora que já viu como é,porque não tenta fazer o mesmo?
Acha que consegue colocar um sorriso na cara e imaginar amores e senti-los,com a completa certeza que são fantasias,e depois sentar na frente do computador e fazer todos crerem que esta vivendo um lindo e infinito conto de fadas?

Prefiro não dar minha opinião e encerrar logo essa infantilidade que você iniciou.

P.s: Sinceras desculpas para os que não tem nada a ver com essa “desavença”.

6 comentários:

Bruna Bianconi disse...

meu Deus, o que houve hein Bia?
poxa sempre tem um tonto, ou uma tonta (nesse caso ach oque é tonta) que vem pra irrita, mas olha não liga pq é como você disse ai em cima mesmo, sem contar que eu adoro seus textos cara, você é sempre tão sincera e tão envolvente :)

Não ligue para baixos comentários!
Te amo Bia!

Bruna Bo disse...

Bia do céu, o que aconteceu? o.o
Precisamos conversar, mutante.

beijo :*

Teté disse...

Nu o.O mal te conheço, mas já sei que o bicho ta pegando =x haha Posso ajudar? Precisando de uma conversa, uma psicologa quem sabe, pode me procurar =P Dizem que sou boa nisso. haha De certas experiências como essas q vc vive, eu já passei ;s Mas fique bem viu?? Texto beeeem expressivo. haha Bjooos gata

Andréia disse...

Adoro quando alguem reconhece que é ser humano e não um super heroi perfeito que vive e sente tudo que todo mundo deseja e com abudancia..

parabens gata! ganhou o meu respeito ao cubo.

beijos e continue tento essa atitude humana de reconhecer o que vc é e o que vc sente.

ate+

- tácii disse...

Girl! Tem selo pra você lá no meu blog *-*

beijosmil :*

C r i s t a l disse...

Bia desculpa dizer, mas tá "o bixo" essa sua alfinetadaa rsrsrs....
Quem disse coisas ridiculas pra vc é um tonto, pq o verdadeiro escritor, é aquele que consegue se colocar na pele dos outros, descrever amores, ódios, paixões, sentimentos que talvez ñ sente, ou nunca existiram!
Seus Posts são lindos e não me canso de ler... msmo que sejam posts passados q não cheguei a tempo de os ler quentinhos rsrs

e repito o que a Biancone disse:
"Não ligue para baixos comentários!"